A quarta casa dos quatro na comunidade israelita samaritana hoje é Maarheeb = o corajoso, da tribo Ifrem.

A origem da casa é de três lugares:

  1. Damasco.
  2. Saraphand perto de Ramleh.
  3. Gaza.

Os sobreviventes escaparam para Nablus nos séculos XVI e XVII e desde então se estabeleceram lá.

No século 17, havia duas personalidades proeminentes Maarheeb b. Yaaqob ”o Grande” e seus filhos Abraahm e Yehoosha.

A família depois dividiu-se em duas famílias.

Os filhos de Abraão b. Maarheeb chamou Maarheeb depois que o pai da casa e os Filhos de Yehoosha b. Maarheeb foram chamados pelo nome dele.

Durante a metade seguinte do século 20, parte da família Marheeb e toda a família Yehoosha, exceto uma pessoa solteira, foi para Jaffa e depois para Holon.

Pequeno número permaneceu em Nablus e mudou-se, eventualmente, para Kiriat Luza no Monte Gerizim em 1998. família como cada Samaritano de Holon as famílias Maarheeb e Yehoosha construíram suas casas de verão no Monte Gerizim para ficar durante as festas e ocasiões pessoais,

Foram personalidades proeminentes e criativas da família Maarheeb:

  • O sábio ‘Abed-Ela b. Yusef em Damasco na próxima metade da história 16 que rejeitou ser o sucessor do Jusdge Abraahm b. Yusef ElQabbasee;
  • Maarheeb b. Yaaqob ”o Grande“, poeta e escritor de muitas cartas a eruditos europeus no século XVII;
  • Yooseph b. Yehoosha o poeta no século 18.
  • Abraahm b. Yaasheeshaakaar (de 1922 a 1989), editor de livros de orações, poeta e comentarista da Torá.


Benyamim Tsedaka

Tradução livre
Ariel Haddad Ben Abraahm

Foto: Abraahm b. Yaasheeshaakaar [1922-1989], poeta e comentarista da Torá.